A família do meu marido está interferindo no meu casamento. O que faço?

*Da série 'perguntas comuns que os casais sempre fazem'

RESPOSTA: A nossa família de sangue é uma benção, mas, quando casamos passamos a formar uma nova família, não podemos jamais desprezar a família de biológica, mas devemos dedicar-nos a construção da nossa nova família e isso implica em cortar o 'cordão umbilical'.

Não podemos aceitar interferências desnecessárias na vida do novo casal a menos que seja algo muito sério que realmente necessite da ajuda dos parentes. 

O casal escolhe a cor do carro que vai comprar, mas o homem conversa com a mãe e ela o convence a comprar um carro de outra cor.  O casal viaja e deixa os filhos com os avós, na volta as crianças estão transformadas com hábitos que os pais detestam ensinados pelos avós ou tios.  

Problemas como estes acima não deveriam acontecer. Tanto a família biológica como a família que está em formação devem vier em harmonia mesmo com suas diferenças. 

Se está acontecendo uma interferência cabe ao casal sentar e conversar sobre a questão para chegar a um acordo, caso contrário, o casamento certamente entrará em crise.  


“Por esta razão, o homem deixará pai e mãe e se unirá à sua esposa...” 
(Marcos 10:7)

0 comentários:

Postar um comentário