VOCÊ NÃO PODE PARAR

"Mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus."
Filipenses 3:13-14 (NVI)


A vida cristã é uma jornada, uma corrida na qual somos chamados a avançar constantemente em direção ao alvo que Deus nos propôs. O apóstolo Paulo, em Filipenses 3:13-14, nos lembra da importância de deixar para trás as coisas que nos impedem e pressionar em direção ao prêmio celestial.

Às vezes, a caminhada pode parecer difícil, e as tentações ou desafios podem tentar desviar seu foco. No entanto, a mensagem central é clara: não pare. Deus tem um propósito único para sua vida, e Ele está sempre à frente, orientando cada passo seu. Assim como um atleta se esforça para alcançar a vitória, você é chamado a perseverar na fé, superando obstáculos com a confiança de que Deus está ao seu lado.

Ao refletir sobre o passado, não permita que erros, arrependimentos ou fracassos o detenham. Deus é um Deus de perdão e renovação. Entregue essas preocupações a Ele, aceite Sua graça, e siga adiante. Você não pode mudar o que ficou para trás, mas pode decidir como enfrentar o futuro.

No seu dia a dia, considere as pequenas ações que o aproximam mais de Deus. Pode ser dedicar tempo à oração, meditar na Palavra ou servir aos outros com amor. Essas escolhas diárias são passos significativos na corrida da fé. Não subestime o poder do progresso constante e consistente em sua jornada espiritual.

Lembre-se sempre de que a vitória final está em Cristo Jesus. Ele é o motivo pelo qual você continua avançando. Mantenha os olhos fixos Nele, confie na Sua orientação e siga em frente com fé. Você não pode parar, porque Deus está conduzindo você para algo grandioso. Avance, confiante na promessa de que Ele é fiel para completar a boa obra que começou em você.

Que este lembrete inspire você hoje e em todos os dias da sua jornada de fé. Você não pode parar, pois Deus está com você a cada passo do caminho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário